Home/Notícias / Campanhas temáticas trazem reflexões sobre doenças

Leia mais emNotícias

Campanhas temáticas trazem reflexões sobre doenças

10 de abril de 2017

tabagismo-e-depressao-viva-sem-cigarro-1014x586

Depressão e Tabagismo serão abordados nas próximas campanhas internas da UNIICA para conscientização de pacientes, familiares, colaboradores e visitantes.

No ano passado, o mês de setembro foi dedicado ao suicídio, outubro para o câncer de mama e novembro para o câncer de próstata. Durante uma semana que cada mês (Setembro Amarelo, Outubro Rosa e Novembro Azul), foram programadas atividades reflexivas para o público sobre estas doenças. “Nós paramos para refletir sobre o tema de forma mais intensa, trazemos palestrantes e cada profissional da Uniica, dentro de sua especialidade, aborda o tema. Estimulamos que todos os pacientes participem e convidamos os familiares para assistirem às palestras conosco”, conta a psicóloga Elke do Pilar Nemer Pinheiro.

“Queremos quebrar tabus em volta das doenças, quebrar preconceitos e trazer informações e orientações sobre os transtornos que atingem milhares de pessoas”, estabelece a psicóloga Carolina Batista, que está responsável por organizar as atividades sobre depressão neste mês.

A campanha de 2017 da Organização Mundial de Saúde tem como lema “Let’s talk” (“Vamos conversar”, em português), reforçando que existem formas de prevenir a depressão e também de tratá-la, considerando que pode levar a graves consequências.

O tema depressão está presente nos grupos terapêuticos realizados na Uniica pela equipe multidisciplinar, que agrega Psicologia, Musicoterapia, Terapia Ocupacional, Serviço Social, Educação Física e Nutrição. Também há palestras para pacientes e familiares com profissionais externos da aérea de saúde.

A depressão está sendo abordada, segundo Carolina, com palestras para psicoeducação de pacientes e familiares sobre a sintomatologia depressiva. “É importante abrir um diálogo sobre a depressão, poder conversar abertamente sobre depressão é o primeiro passo para compreender melhor o assunto e diminuir estigma associado a esse transtorno mental. Através da divulgação, informação e orientação cada vez mais pessoas poderão buscar tratamento para depressão”, afirma.

Em maio o tema será tabagismo.

Compartilhe